Notícias Detalhes

  • 13/06/2019

Seplancti AM e PNUD Brasil reúnem com representantes do setor privado

  • 13/06/2019

Encontro apresentou programa da ONU e começo da parceria com o Estado

A Secretaria de Estado de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação do Amazonas (Seplancti AM) e o Programa das Nações Unidades para o Desenvolvimento (PNUD) estiveram reunidos com representantes do setor privado, nesta quarta-feira (12). O presidente em exercício da Fecomércio AM, Aderson Frota, participou do encontro.

Na ocasião, os representantes do setor privado conheceram um pouco do trabalho da agência da ONU para o desenvolvimento global bem como o início da parceria com o Governo do Amazonas, que tem a proposta de alinhar os objetivos da Agenda 2030 e metas dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) ao Plano Plurianual do Amazonas (PPA).

O titular da Seplancti, Jório Veiga, destacou a importância desse primeiro encontro com a classe empresarial. Para o secretário, o momento de discussões é importante para todos os setores da sociedade.

“O importante é que todos juntos podemos melhorar as condições de vida de todos. O trabalho que estamos fazendo é incorporar 17 objetivos sustentáveis ao nosso PPA de forma que as políticas que venham, permitam o desenvolvimento sustentável. O fato dos empresários estarem participando é pra que entendam como podem ajudar se juntando ao Governo”, disse.

O coordenador de projetos econômicos e sociais do PNUD no Brasil, Cristiano Prado, também ressaltou a importância da aproximação da classe empresarial na união de esforços para a transformação da sociedade como um todo.

“O que a gente espera, nesse primeiro momento, é que o setor privado compartilhe sua visão sobre os desafios na região, oportunidades e angústias.  No segundo momento queremos engajar o setor para participar dessa transformação. Pensar junto como as empresas como conseguir trazer esses aceleradores para dentro da lógica empresarial. Nesse sentido, o Sistema Fecomércio Sesc e Senac tem um papel fundamental”, destacou.

Para a secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação do Amazonas, Tatiana Schor, a parceria com a PNUD é inédita e propõe um novo cenário para o Estado.

“Estamos fazendo algo inédito que é pensar o planejamento do Estado com os diversos setores e trazer pra junto de nós, é isso que o PNUD está articulando, essas diferentes vozes e visões de como o Amazonas deve planejar e qual o futuro do Estado. A proposta é que a gente consiga com esse planejamento, de fato, construir uma agenda de longo prazo como uma Política de Estado e, para isso, a sociedade precisa estar envolvida”, explica.

A parceria entre a Seplancti e o PNUD está em processo. Em agosto deste ano são previstos uma série de encontros que deverão discutir de forma estruturada as ações da parceria com os diversos setores; academia, sociedade civil organizada, setor privado e governo.